A população da China chegou no ano passado a 1,41 bilhão de habitantes, anunciou nesta terça-feira (11) o país mais populoso do mundo, ao apresentar os resultados do seu censo, realizado a cada 10 anos.
Em comparação com a pesquisa de 2010, a população chinesa cresceu em 72 milhões de habitantes, o que equivale a um aumento de 5,38% em 10 anos, segundo o Departamento Nacional de Estatísticas.
O resultado do censo foi divulgado com um atraso de semanas. A China prevê que a curva de crescimento populacional irá atingir o pico em 2027, quando a Índia deverá ultrapassá-la e se tornar o país mais populoso do mundo. A população chinesa começaria, então, a diminuir, até chegar a 1,32 bilhão de habitantes em 2050.
O censo foi concluído em dezembro passado, com a ajuda de 7 milhões de voluntários. Seus resultados são considerados mais confiáveis do que as pesquisas demográficas anuais, baseadas em estimativas.
Desde 2017, a taxa de natalidade vem caindo no país, apesar da flexibilização, no ano anterior, da política do filho único, que permite o nascimento do segundo filho. A taxa caiu em 2019 a 10,48 a cada mil habitantes, nível mais baixo desde a fundação da China comunista, em 1949.
Os chineses seguem submetidos a um limite de dois filhos por família, mas se levantam vozes pedindo o fim dessa barreira.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here